Follow by Email

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Embratur promove destinos turísticos do Brasil e inclui Mato Grosso do Sul



A Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), em parceria com o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio da Fundação de Turismo e Sebrae (MS), realizaram no dia 24, o seminário "Promoção Internacional do Turismo no Brasil". Essa foi a oitava edição do evento, que já ocorreu em Belém (PA), Curitiba (PR), Manaus (AM), Florianópolis (SC), Aracaju (SE), João Pessoa (PB) e Salvador (BA). Esse encontro teve como objetivo o alinhamento das ações implementadas pela Embratur na promoção dos destinos brasileiros no exterior com o trabalho desenvolvido pelo Governo Estadual. De acordo com o presidente da Embratur, Flávio Dino, o seminário é parte da estratégia do Instituto para se aproximar das instituições estaduais e alinhar as atividades que vem sendo realizadas para promover o Brasil no exterior.As ações e as competências de cada área da Embratur também foram apresentadas durante o seminário. "Com o apoio dos estados faremos uma divulgação mais eficaz das ações de promoção dos destinos brasileiros, além de tornar mais conhecidas as metas do Plano Aquarela 2020, publicação que norteia as estratégias de atuação da Embratur", explica Dino. Turismo internacional em Mato Grosso do Sul No ano de 2010, 68.140 turistas internacionais estiveram em Mato Grosso do Sul. Os países que mais enviaram visitantes foram Bolívia, Paraguai e Peru. Entre os principais produtos turísticos do estado trabalhados no mercado internacional estão: Pantanal Sul, Ecoturismo em Bonito e na Serra da Bodoquena (Ecoturismo); Cavalgada no Pantanal - Rota do Correntoso (Aventura); Pesca Esportiva no Rio Paraguai (Esportes); e Agrotecnologia em Campo Grande (Negócios, Eventos e Incentivos). De acordo com a Assessoria de Comunicação da Embratur para a promoção dos destinos do Mato Grosso do Sul, os países de alta prioridade são: Estados Unidos, Argentina, Chile, Peru, Uruguai, Colômbia, Paraguai, Alemanha, Inglaterra, França e Portugal.



Fonte: Mídiamax

Nenhum comentário:

Postar um comentário